Começaremos essa pregação sobre fé lendo o versículo mais conhecido sobre o assunto:

pregação sobre fé

Hb 11:1Ora, a fé é a certeza das coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não veem.”

Vers. 7:

Pela fé, Noé, divinamente instruído acerca de acontecimentos que ainda não se viam e sendo temente a Deus, aparelhou uma arca para a salvação de sua casa; pela qual condenou o mundo e se tornou herdeiro da justiça que vem da fé.”

Gn 6: 5-9

Viu o SENHOR que a maldade do homem havia se multiplicado na terra e que era continuamente mau todo desígnio do seu coração; então, se arrependeu o SENHOR de ter feito o homem na terra, e isso lhe pesou no coração. Disse o SENHOR: Farei desaparecer da face da terra o homem que criei, o homem e o animal, os répteis e as aves dos céus; porque me arrependo de os haver feito. Porém Noé achou graça diante do SENHOR. Eis a história de Noé. Noé era homem justo e íntegro entre os seus contemporâneos; Noé andava com DEUS.” Interessante que a história de Noé é citada de forma bem objetiva, ou seja, somente o que é importante para DEUS.

Noé = justo, íntegro, andava com DEUS.

JUSTO = respeita os direitos de outrem e dá a cada um o que lhe pertence.

ÍNTEGRO = reto, incorrupto

ANDAR COM DEUS =  andar junto, viver com, proceder com

  • Nm 23:19 diz:

DEUS não é homem, para que minta; nem filho de homem, para que se arrependa.”

Parece contradição, mas vemos que DEUS sempre desejou relacionar-se com o homem, porém o pecado e os próprios interesses do homem o afastam de DEUS.

DEUS criou o homem à sua imagem. Gn 1:27:

Criou DEUS, pois, o homem à sua imagem, à imagem de DEUS o criou; homem e mulher os criou.”

O egoísmo, o individualismo, a falta de amor, sujam a imagem de DEUS. Quebram a comunhão, estragam o relacionamento. É como quando brigamos com nossa esposa ou com nossos filhos, até que haja o pedido de perdão, o arrependimento verdadeiro por ter sido grosseiro, o relacionamento não flui com alegria, mas com pesar. A maldade se multiplica porque o homem escolhe ser mau, porque o homem escolhe os seus próprios interesses. Noé andava com DEUS, vivia junto com DEUS, o SENHOR fazia parte da sua vida. Se DEUS faz parte da minha vida, o meu relacionamento com ele flui. DEUS me acompanha no meu trabalho, está junto comigo quando converso com meus colegas, mas será que meu comportamento agrada a ELE?, tenho feito as coisas com a consciência de que DEUS está comigo? Nas minhas conversas com ELE tenho perguntado como estou? Pergunto se tenho honrado seu NOME como um bom filho?

A palavra diz em Hb 10:38

todavia, o meu justo viverá pela fé

Sl 37:25 diz:

Fui moço e já, agora, sou velho, porém jamais vi o justo desamparado, nem a sua descendência a mendigar o pão.”

Assim como Noé levou quase cem anos construindo a arca, nós, a cada ano, estamos construindo um melhor relacionamento com DEUS. Noé sabia que DEUS queria um mundo melhor, queria homens melhores e trabalhou duro durante anos porque o desejo de DEUS era santificar a terra, limpar a imundície, mas durante o trabalho os amigos, os maus, os pervertidos, ao verem o que estava sendo feito, riam, faziam gracinhas.

Imagino o quanto os filhos de Noé sofreram sendo ridicularizados pelos vizinhos e amigos, sendo chamados de loucos, mas Noé nunca abandonou o plano de DEUS, porque ele andava com DEUS, por isso tinha suas forças renovadas, a cada dia, e também forças para animar os seus filhos até que o trabalho fosse concluído. Se pudéssemos resumir toda essa atitude de Noé em uma palavra, que palavra você escolheria? Eu escolheria: fé! Ele nunca deixou de acreditar no que Deus falou para Ele, e a fé nos inclina a ter uma atitude. Na caminhada com Jesus, quem crê faz!

Quem sabe alguma manhã um dos filhos de Noé estivesse desanimado, cabisbaixo, incrédulo, sem desejo de continuar o trabalho, mas Noé o chama à responsabilidade com firmeza, pois estão a serviço do DEUS vivo, não há tempo a perder! Mãos à obra! O tempo é curto! Vamos colocar a fé em prática!

Rm 8:28-29:

Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a DEUS, daqueles que são chamados segundo o seu propósito. Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos.” As coisas cooperam para o bem daqueles que amam a DEUS, quem ama a DEUS anda com DEUS! Tem relacionamento com ELE! Não estamos sozinhos, somos família, nossa fé deve estar fundamentada nesta verdade.

Em 1 Jo 4:20-21 está escrito: “Se alguém disser: Amo a DEUS, e odiar a seu irmão, é mentiroso; pois aquele que não ama a seu irmão, a quem vê, não pode amar a DEUS, a quem não vê. Ora, temos, da parte dele, este mandamento: que aquele que ama a DEUS ame também a seu irmão.” Podemos complementar esse texto com Hebreus 11 (certeza daquilo que não se vê). Temos a certeza que Deus está conosco mesmo sem vê-lo, e provamos nossa crença amando nosso irmão (que vemos), pois não há como amar a um Deus que não se vê se não amamos ao nosso irmão que vemos.

JESUS lavou os pés de Judas sabendo que ele ia traí-lo, lavou os pés de Pedro e sabia que ele ia negá-lo três vezes, lavou os pés dos outros discípulos mesmo sabendo que todos iam abandoná-lo na hora “H”, sofreu por nós antes mesmos de nós nascermos. Que exemplo precioso de fé! Estou disposto a fazer o quê por JESUS? Qual o tamanho da nossa fé?

DEUS tem coisas tremendas a manifestar em nossas vidas e através de nossas vidas, mas ELE deseja encontrar em nós um coração sensível à sua vontade, um coração que tenha prazer em obedecer os seus ensinos, que deseje ser como JESUS, pois esse é o seu propósito e o centro da fé.

Abre os meus olhos SENHOR para que eu veja o que realmente importa, que é fazer a tua vontade!

Por Mauro Fraga

Tags: esboço de pregação sobre fé

Leia também: estudo sobre fé e operosidade da fé

Voltar para: Início