Gratidão é uma atitude de reconhecimento pelo que temos desfrutado na vida!

A gratidão pode ser dirigida tanto a Deus como às pessoas que nos abençoam, de um modo geral.

A começar pela própria vida, podemos enumerar muitos motivos para agradecer:

– O propósito eterno de Deus, nossa salvação, o sacerdócio, o cuidado de Deus:

– Nossa família, nossos amigos, a igreja, nossa saúde e a dos nossos queridos, nossa casa, o trabalho, os “extras” que vão além das necessidades supridas, etc.

Deus quer filhos gratos; e há muitos textos bíblicos que nos exortam a sermos agradecidos.

Podemos citar alguns salmos: Sl 30.4; Sl 50.14; Sl 100.4; Sl 105.1.

Podemos citar as cartas: Ef 5.3,4,15-21; Fp 4.4-9; Cl 2.6,7; Cl 3.16,17; Cl 4.2; 1Ts 5.18; 1Tm 2.1-3.

O Senhor não ignora nosso sofrimento (Sl 56.8), mas ordena que oremos e lancemos a ele nossa ansiedade (1Pe 5.7) ao invés de murmurarmos (Tg 5.13a).

Dessa forma, ele pode agir mais eficazmente em nosso favor (Sl 81.10-16), e só assim podemos crescer ao ponto de nos agradarmos da sua vontade (Sl 37.4).

Mas, infelizmente, a nossa realidade, na maioria das vezes, tem sido outra, por isso o salmista nos adverte: “Também desprezaram a terra aprazível e não deram crédito à sua palavra; antes, murmuraram em suas tendas e não acudiram à voz do Senhor.” (Sl 106.24,25).

Deus se ira com a ingratidão; e podemos colher resultados desastrosos por causa dela (Rm 1.18-21)!

Por que devemos ser gratos mesmo nas adversidades? O Salmo 107.1 responde: “Rendei graças ao Senhor, porque ele é bom, e a sua misericórdia dura para sempre.”! E, principalmente, porque sabemos que isto é agradável a Deus (1Pe 2.19).

Ser grato também é andar por fé, sabendo que Deus está no controle de tudo e que todas as coisas que nos acontecem podem ser usadas, segundo a sua misericórdia, para o nosso próprio bem.

Gratidão e louvor andam sempre juntos; quem é grato, louva. Louvar é aplaudir, elogiar; portanto, quando louvamos a Deus, estamos declarando nossa gratidão, e reconhecendo que ele é bom, e o que ele faz é sempre o melhor para nós.

Lemos em Hb 13.15,16 que o Senhor se agrada que lhe ofereçamos sacrifícios de louvor, e vários salmos nos exortam a louvá-lo: Sl 117.1; Sl 135.1-2; Sl 145.21; Sl 146.1; Sl 147.7, 12; Sl 148.1-4, 7-12; Sl 149.1, 6; Sl 150.1, 6.

Portanto, se você é grato a alguém, diga isso a essa pessoa; e se você é grato ao Senhor, louve-o. Declare sua gratidão orando, cantando, vivendo de maneira agradável a Ele!

Por Aguilar Lopes

Veja também: Intimidade com Deus

Voltar para: Pregações